segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Liga Sagres, 5ªJornada

Vitória 0 – Braga 0

Num jogo morno, ficou por assinalar um penalty a favor do Vitória


Sem querer comparar este jogo com o Sp. Braga, com o da época passada no estádio D. Afonso Henriques, não se pode deixar de dizer que a qualidade futebolística do Vitória, perdeu bastante de uma época para a outra. Como é possível!
Melhor na primeira parte do que na segunda, o Vitória esteve longe de realizar uma exibição idêntica à que fez na ultima quinta-feira frente ao Portsmouth, tal como já se previa.
No segundo tempo, Roberto dentro da grande área do Braga, foi puxado insistentemente por um defesa da equipa dos arcebispos quando tentava chegar à bola, o árbitro bem colocado nada assinalou.
O Vitória ainda desfrutou de duas oportunidades para chegar ao golo mas em vão. O Braga no segundo tempo teve três oportunidades flagrantes, mas por inoperância dos seus atacantes (que remataram com pouca convicção) também não conseguiram lá chegar.
Manuel Cajuda tem uma equipa limitada e sem grandes soluções, para agravar a situação, ainda não pode contar com o tal jogador que é (considerado por alguns) melhor que Ghilas. A Liga dos Campeões já lá vai, a Uefa também, o Campeonato vai na 5ª jornada e Nuno Assis ainda está lesionado. É preocupante e todos esperamos por melhores dias.
João Alves e Moreno foram os melhores do Vitória em campo.
Fajardo e Jean Coral entraram no segundo tempo, mas não trouxeram velocidade nem criatividade, muito menos revitalizaram a equipa.
Desmarret é um senhor jogador, embora neste jogo nem tudo lhe tivesse saído bem, nomeadamente na marcação de cantos. Será que Cajuda não tem outras opções para a cobrança dos cantos?
Senhor Cajuda, isto não é uma crítica, é sim um reparo, feito com o único sentido de poder ajudar e melhorar o que parece menos bem.

4 comentários:

cb disse...

eu tambem acho que é necessário, pelo menos chamar a atenção do desmarets, todos os lances de bola parada foram parar as maos do guarda-redes, na semana passada aquando do VITÓRIA- trofense, o carlitos marcou cantos perigosos dos quais um deu golo!

joão pedro disse...

O Carlitos na marcação dos cantos na Trofa esteve bem. Consegue criar mais perigo. O Desmaret, marca sempre da mesma forma. Mal.

jotafundador disse...

Para mal do Vitória o Carlitos não joga sempre...

Anónimo disse...

O Cajuda? Perde por ser teimoso.
Arre...que o homem gosta de chatear.
Não é que em Barcelos lá pôs o Fajardo a marcar o penalty?
Cajuda, Cajuda.....Deixa de proteger o afilhado.
Os cantos do Vitória constituem perigo zero.